Cavacos de madeira

Cavacos de Madeiras ou Estilhas de Madeira

A estilha ou cavaco de madeira é constituída por pequenos pedaços de madeira oriundos da picagem ou destroçamento, com um comprimento variável entre 5 e 50mm, obtidos por estilhaçamento na direção da fibra nos picadores a disco ou em corte reto nos picadores a tambor contendo ainda partículas mais longas e uma razoável percentagem de finos. A qualidade da estilha ou cavaco depende da matéria-prima e da tecnologia utilizada na sua produção. É comum encontrar três tipos diferentes de cavacos de madeira:

Cavacos de madeira

Cavacos de resíduos da floresta

Como ramos, copas de árvores ou árvores inteiras, com valor comercial reduzido. Contém uma percentagem de umidade na ordem dos 50%, o seu tamanho varia desde partículas de pó até cavacos, contendo casca e folhas. Este combustível é adequado para as caldeiras que se encontram nas grandes centrais de produção de calor ou de produção de energia eléctrica, como Centrais Termoeléctricas a Resíduos Florestais.


Estilhas ou cavacos produzidos nas serrarias

Com um percentual de umidade da ordem dos 40-50%, que é usada, por exemplo, na indústria de pasta e papel ou no fabrico de aglomerados e outros painéis. Os resídos de serraria podem ser utilizados para a produção de pellets e briquetes, mas para isto precisam passar por um processo de secagem e moagem antes de seu processamento. Estas estilhas têm melhores propriedades de combustão, mas é ainda muito úmida para as caldeiras pequenas, a não ser que seja seca antes de destroçada.


Cavacos provenientes de cortes de árvores

Sem ramos e folhas, deixada secar por aproximadamente 4-6 meses antes do seu destroçamento ou picagem. Este cavaco contém cerca de 30% de umidade e deve ser uniforme em qualidade e tamanho. Este combustível é adequado para as caldeiras instaladas em edifícios residenciais ou de serviços. Neste caso, os pedaços de madeira de maior dimensão podem causar problemas operacionais, devendo ser removidos durante a produção.

Cavacos de madeira

Comparativo: Cavacos x Pellets e Briquetes

Vantagens

  • Pode encontrar-se disponível localmente;
  • A sua produção estimula o emprego local;
  • Mais barata que os pellets e briquetes;

Desvantagens

  • Requer maior espaço de armazenamento;
  • Qualidade do combustível é mais difícil de assegurar;
  • Maior necessidade de trabalho de operação e manutenção da central;

Classificação do tamanho dos cavacos

A especificação correta do tamanho é crucial para os consumidores de cavacos, já que determinadas caldeiras, por exemplo, irão operar de forma mais eficiente com a correta granulometria do material. Assim o comprador do combustível pode incluir as classificações como condições no contrato com os fornecedores.

O tamanho dos cavacos é influenciado pelo:

  • Tipo do picador;
  • Velocidade de Avanço x Rotação;
  • Ângulo de corte das facas;
  • Espécie de arvores (Inteira com ou sem galhos);
  • Presença de contaminantes;
  • Dureza da madeira (desgaste maior das facas)
  • Teor de umidade;

A correta classificação granulométrica dos cavacos permite prever a energia liberada na combustão assim como assegurar o fluxo dos cavacos pelo sistema de alimentação. Cavacos muito grandes impedem o fluxo do material pelo sistema, causando entupimento. Partículas muito finas queimam rapidamente na câmara de combustão, conduzindo a variação de calor e a formação de cinzas.