O aumento dos custos no descarte de resíduos em aterros e a busca por soluções ecológicas

Em tempos recentes, a quantidade de resíduos sólidos gerados nos municípios e em áreas industriais tem aumentado consideravelmente.

Com isso, nota-se um aumento também nos custos de descarte e gerenciamento destes resíduos sólidos quando se trata do descarte em aterros sanitários.

É por isso que se tem buscado cada vez mais soluções no tratamento dos resíduos pelos processos de reciclagem e reaproveitamento energético.

Esta é uma área de destaque da Lippel. Desenvolvemos equipamentos para o aproveitamento energético dos resíduos sólidos, como por exemplo as plantas de briquetagem. Estas transformam resíduos simples em briquetes com um alto poder calorífico, vindo assim a ser utilizadas na queima em caldeiras para a produção de energia.

Graças ao processo de reciclagem e reaproveitamento de resíduos sólidos, é possível não apenas ter uma economia imediata, uma vez que o investimento neste processo a curto prazo é menor do que o investimento em aterros sanitários, mas também a longo prazo, já que os resíduos são utilizados para gerar energia e não apenas descartados.

A Lippel sempre busca melhores maneiras de oferecer soluções a seus clientes no tratamento de resíduos, promovendo a melhora do meio ambiente e a geração de receita para as empresas.


Compartilhar