Fábrica de briquetes a partir da fibra de palma e eucaliptos

O projeto é uma solução para transformar o que era resíduo e passivo ambiental em um combustível de alta qualidade.

A planta produz 4 T/h horas e foi toda desenvolvida e fornecida pela Lippel em regime de TURN-KEY. A linha tem inicio com a palma sendo picada nos picadores PDF. Posteriormente, o material in-natura é transportado por caminhão até o parque fabril e recepcionada em uma moega seguindo ao moinho de martelo MML onde sua granulometria é homogeneizada.

Do moinho o material passa ao secador SR onde sua umidade baixada de 55 para 10%. Finalmente o matéria entra nos silos dosadores e é briquetado nas nas briquetadeiras mecânicas BL.

A empresa tem experiência em processar diversos tipos de materiais dentre o qual o já citado, a palma, o bagaço de cana, eucalipto e picos, cascas, algodão, agave entre outros.

Lippel, fornecendo soluções completas para as linhas de briquetagem e peletização.

Veja o vídeo abaixo sobre a fábrica de briquetes a partir da fibra de palma:

 

 

Veja ao lado fotos da instalação da fábrica ou clique nas imagens abaixo para saber mais sobre as fábricas de briquetes.


Compartilhar