Benefícios do uso da compostagem na agricultura

Recentemente um município passou a distribuir gratuitamente matéria orgânica para compostagem a mais de 200 agricultores familiares e pequenos produtores. Os benefícios do uso deste rico composto orgânico são claros.

Antes, o município utilizava várias equipes, com caminhões e servidores para recolher os galhos e armazená-los em um aterro que ocupa uma área de dois hectares. Agora com a produção e distribuição de cavacos, o trabalho passou a ser feito por um único caminhão com um triturador de galhos Lippel, e o espaço no aterro ficou livre, uma vez que o volume do material foi reduzido, e o material distribuído para os produtores agrícolas.

“Antes havia um item a mais nos nossos custos, que era a palha de café e depois a 'cama de frango” comentou um agricultor. Agora com o uso de cavacos os custos diminuíram drasticamente. Esse composto orgânico protege as hortaliças na fase de desenvolvimento, e depois da colheita, ele é incorporado ao solo para o preparo de novos canteiros.

A compostagem melhora a qualidade do solo, ajuda a repor matéria orgânica, a recuperar nutrientes, reduz a temperatura média e favorece os microorganismos benéficos, tornando as plantas mais sadias e resistentes a pragas e doenças, reduzindo com isso a necessidade do uso de agrotóxicos.

Essa iniciativa é um exemplo de como a gestão dos recursos naturais como os resíduos orgânicos beneficia os municípios pois diminui o tempo e espaço requeridos para o descarte do material. Também beneficia os produtores agrícolas e agroflorestais por melhorar a qualidade do solo e reduzir os custos de produção.


Compartilhar