Sistema de Secagem e Processamento de Resíduos

Do projeto a execução, a Lippel desenvolve soluções especificas para gerar valor aos resíduos sólidos industriais, promovendo a preservação ambiental.

Sistema de Secagem e Processamento de Resíduos

Do projeto a execução, a Lippel desenvolve soluções especificas para gerar valor aos resíduos sólidos industriais, promovendo a preservação ambiental.

O uso da biomassa é uma forma popular de geração de calor e deve ser otimizado para atender uma demanda energética crescente.

O sistema reduz a umidade da biomassa usando os resíduos da indústria de papel e celulose antes descartados.

Os resíduos (tocos, cascas, sujeira, etc.) da indústria de papel são recepcionados em uma moega e passam por um processo de separação das pedras e metais. Posteriormente, são triturados e preparados para serem usados na fornalha. A fornalha, especialmente projetada para queimar os resíduos, gera a energia em forma de calor para o secador de biomassa.

Aumentar o Poder Calorífico da Biomassa resulta em economia de combustível e aumento da eficiência energética nas caldeiras. A economia gerada é enorme.

Além disso, os resíduos não são descartados em aterros, mas são tratados como combustível. O sistema de queima é especialmente projetado para aceitar este resíduo, com até 65% de umidade.

O secador desta linha evapora mais de 23.000 litros/h de água da biomassa e a fornalha, uma das maiores já fabricadas nestas características, queima materiais de difícil combustão.

São diversos processos onde cada necessidade nos remete a determinadas soluções especificas que a Lippel, com seu corpo técnico, vem desenvolvendo para solucionar problemas e gerar valor aos resíduos industriais.


Orçamentos, Pedidos ou Mais Informações